Cientistas afirmam que o nosso sistema solar, assim como um cometa, possui uma cauda

Em julho de 2013 astrônomos deram a primeira espiada na cauda do nosso sistema solar, chamada de heliocauda, e disseram que ela tem o formato de um trevo de quatro folhas.

O Interstellar Boundary Explorer, da NASA, ou IBEX, traçou os limites da cauda da heliosfera, revelando que a “heliocauda”, como foi apelidada, se estende por mais de 13 bilhões de quilômetros, com fortes ventos fazendo com que o fluxo de material viaje a mais de 1,6 milhão de quilômetros por hora.

Enquanto eram usados outros meios para observar essas caudas em torno de outras estrelas, era praticamente impossível ver que a nossa estrela também possuía uma. Já o IBEX conseguiu mapear o rastro deixado nas regiões da heliosfera onde ocorrem colisões que criam partículas neutras.

O IBEX fez várias outras descobertas importantes ao longo de sua missão. Em 2010, a sonda obteve a primeira visão do vento solar colidindo com a magnetosfera do planeta Terra.  Em 2012, a NASA anunciou que a sonda detectou pela primeira matéria fora do sistema solar, encontrando partículas exóticas de hidrogênio, oxigênio no vento interestelar. [SpaceNASABlogblux]
(Visited 173 times, 1 visits today)

Filipe Aguiar

Filipe Aguiar Formado em Analise e Desenvolvimento de Sistemas pela Universidade São Francisco, fundou o Respiramos Ciência em 2014. É apaixonado por astronomia, biologia, livros, rock, RPGs, filmes e ama tocar bateria.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.