Impressionante! Mulher encontra uma cobra com garras em sua residência

A chinesa Duan Qiongxiu, de 66 anos, disse que quando descobriu o réptil, ele estava agarrando-se à parede de seu quarto com suas garras no meio da noite. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

“Eu acordei e ouvi um som estranho. Eu acendi a luz e vi esse monstro andando pela parede usando sua garra”, disse a Sra. Duan de Suining, sudoeste da China. Sra. Duan disse que ela estava com tanto medo que ela pegou um sapato e bateu na cobra até que ela morresse, antes de preservar o corpo em uma garrafa de álcool. 

A cobra – 16 centímetros de comprimento e um dedo mínimo de espessura – está agora sendo estudada no Departamento de Ciências de Vida no West Normal University em Nanchang, China. 


O Especialista em Serpentes Long Shuai disse: “É verdadeiramente chocante, mas não saberemos a causa de esta cobra possuir uma garra até realizarmos uma autópsia.”


A mutação mais frequente entre cobras é o aparecimento de uma segunda cabeça, que ocorre de uma maneira semelhante à formação de gémeos siameses em seres humanos. Tais animais são muitas vezes apanhados e preservados como símbolo de sorte, mas tem muito pouca chance de sobreviver na natureza, especialmente porque as cabeças têm uma tendência de atacar umas as outras.


Fonte: [The Telegraph]

Filipe Aguiar

Filipe Aguiar Estudante de Analise e Desenvolvimento de Sistemas, fundou o Respiramos Ciência em 2014. É apaixonado por astronomia, biologia, livros, rock, RPGs, filmes e ama tocar bateria.

Deixe uma resposta